Venezuelanos no Brasil, por Ana K Rodrigues

ana_k

Ana K Rodrigues, escritora, editora e tradutora. Brasileira, vive atualmente no Panamá

Quando o governo aqui do Panamá passou a exigir visto de entrada aos venezuelanos (aqui vivem mais de 700 mil nacionais daquele país, que vieram em diversas fases, não só agora) achei uma atitude bastante questionável. Afinal, quem tem dinheiro para fazer o trâmite ou para investir em solo panamenho continuará emigrando, e será bem sempre bem recebido. Além de outras coisas não muito elogiosas, os países da América Latina têm em comum o fato de sempre respeitar a voz do poder econômico e dar as costas ao respeito humanitário, mesmo quando ele é amparado por lei. Aí acontece essa vergonha em Roraima, por onde vêm entrando milhares de pessoas do país vizinho. É gente que simplesmente não têm outra opção que cruzar a fronteira com o que têm para ter uma mínima esperança de sobrevida em outro país, numa cidade tão pobre quanto muitas outras na Venezuela. É um tema complexo? É. Os governos dos dois lados estão errados? Claro. Mas nada justifica um povo que há anos perdeu aquela aura de cordialidade e acolhimento se converter em uma turba guiada por discursos de ódio, preconceito e (sic) xenofobia. Que vergonha, que horror, que tristeza.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s